AUDIÊNCIA PÚBLICA

Comunidade reinvidica criação de parque ecológico próximo ao Córrego Santa Terezinha

Área teria nascentes, vegetação abundante e espaço para construção de equipamentos de esporte e lazer

sexta-feira, 1 Outubro, 2021 - 13:30
Foto: Antônio Rodrigues/PBH

A implantação de um parque ecológico na Bacia do Córrego Santa Terezinha (Bairro Alto Vera Cruz, Região Leste de Belo Horizonte), em complementação às intervenções concluídas em 2017 na bacia do córrego em prevenção a enchentes, será tema de audiência pública da Comissão de Meio Ambiente, Defesa dos Animais e Política Urbana na próxima terça-feira (5/10), às 13h40, no Plenário Helvécio Arantes. Conforme o requerimento da reunião, assinado por Marcos Crispim (PSC), o parque está no projeto de obras de complementação da infraestrutura e recuperação ambiental feito pela Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap), mas ainda não foi colocado em prática. 

“Os moradores aguardam a continuação das obras pela Sudecap, com a implantação do parque ecológico na área verde situada na margem direita do córrego Santa Terezinha”, afirma o parlamentar. Cirspim conta que no entorno do córrego existem nascentes, vegetação abundante e também espaço adequado para a construção de quadras de futebol e uma academia a céu aberto, para a prática de esporte e recreação da população. Ele explica que a comunidade deseja saber o posicionamento do Executivo, no que se refere à possibilidade de disponibilização de recursos para garantir a criação do parque, que será um ponto de referência para lazer, descanso e contemplação do público em geral. 

O site da PBH informa que as obras de complementação da infraestrutura da Bacia do Córrego Santa Terezinha foram concluídas em junho de 2017, e que integram intervenções para prevenção de enchentes. Ainda segundo a Prefeitura, na segunda etapa, com início em outubro de 2013, foram executadas “a implantação de sistema viário e de esgotamento sanitário e também implantação do parque linear na área verde situada na margem à direita do Córrego”, no valor de R$ 3 milhões, com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). 

A primeira etapa foi concluída em 2013, também de acordo com a PBH. Foram realizados tratamento de fundo de vale do Córrego Freitas, no Bairro Alto Vera Cruz; abertura de via de tráfego local na margem esquerda com extensão aproximada de 1.200 metros; recuperação da nascente; além da construção de quatro edifícios residenciais, com 16 apartamentos cada. Nessa etapa foram investidos R$ 17,3 milhões, também com recursos do PAC.

São esperados para a audiência representantes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente; Secretaria Municipal de Obras e lnfraestrutura; e Coordenadoria de Atendimento Regional Leste. 

Superintendência de Comunicação Institucional