VISITA TÉCNICA

Centros de Saúde Santa Terezinha e Confisco receberão comitiva parlamentar

Verificação das condições dos equipamentos foi solicitada pela comunidade em audiência pública da Comissão de Participação Popular

segunda-feira, 20 Novembro, 2017 - 19:15
Centro de Saúde Santa Terezinha, na Pampulha
Foto: Portal PBH

Atendendo requerimento de vereadores da Comissão de Participação Popular, a Comissão de Saúde e Saneamento realizará visitas técnicas aos centros de saúde Santa Terezinha, situado à Rua Senador Virgílio Távora, n° 157, e ao Centro de Saúde Confisco, que fica na Rua J, n° 490, nos bairros de mesmo nome da Regional Pampulha. A finalidade é verificar a qualidade do atendimento prestado a população, a falta de medicamentos básicos e a demora na marcação de consultas, denunciadas pela comunidade em setembro. A atividade será na próxima quarta-feira (22/11), a partir das 9h.

Segundo o requerimento, assinado por Áurea Carolina (Psol), Cida Falabella (Psol), Nely (PMN) e Pedrão do Depósito (PPS), a visita técnica se justifica pela demanda apresentada pelas moradoras e moradores na audiência pública realizada em 20 de setembro no Centro Cultural Pampulha pela Comissão de Participação Popular, onde foram relatados os problemas nas unidades de saúde. O objetivo dos parlamentares é verificar in loco a situação dos postos de saúde, bem como buscar encaminhamentos necessários para solucionar a questão em diálogo com o poder público e a população afetada. Dessa forma, a visita também irá discutir a importância dos centros de saúde locais como forma de melhorar a qualidade de vida da população e diminuir a lotação dos hospitais.

“Começar um tratamento e não ter continuidade é um dos grandes problemas do sistema de saúde”, denunciou, na audiência pública, uma moradora da região. “O centro de saúde deveria ser um espaço de prevenção, mas não funciona. O agendamento das consultas demora tanto que, quando chega o atendimento já temos uma população doente”, alertou a usuária, pontuando que os problemas se repetem em diferentes unidades. O longo prazo exigido para a marcação de consultas especializadas também foi apontado: “Passa tanto tempo que você perde a consulta já feita com o generalista e, muitas vezes, perde até os exames”, apontou.

Poder público e sociedade civil

Para acompanhar a visita e ouvir servidores e usuários das referidas unidades, os requerentes sugeriram que sejam convidados representantes da Administração Regional Pampulha, Secretaria Municipal de Saúde e Comissões Regional e Local de Saúde.

Superintendência de Comunicação Institucional