AUDIÊNCIA PÚBLICA

Possibilidade de municipalização do Anel Rodoviário será discutida nesta sexta

Pro­ble­mas es­tru­tu­rais se ar­ras­tam ao lon­go dos 27,5 km da ro­do­via, que concentra grande parte dos acidentes de trânsito da capital

quinta-feira, 4 Maio, 2017 - 18:00
Anel Rodoviário
Foto: Portal PBH

A possibilidade de municipalização dos trechos do Anel Rodoviário localizados nos limites do município de Belo Horizonte será debatida em audiência da Comissão de Administração Pública, por solicitação do vereador Wagner Messias Preto (DEM), nesta sexta-feira (5/5), às 9h, no Plenário Amynthas de Barros. Em entrevista recente à imprensa, o prefeito Ale­xan­dre Ka­lil le­van­tou a pos­si­bi­li­da­de de as­su­mir a ges­tão do trecho, que ho­je é fei­ta pe­lo De­par­ta­men­to Na­ci­o­nal de In­fra­es­tru­tu­ra de Trans­por­tes (Dnit). Além de ser pas­sa­gem pa­ra São Pau­lo, Rio de Ja­nei­ro, Es­pí­ri­to San­to e Brasília, a rodovia se tornou caminho de motoristas que querem evitar o trânsito nos bairros.

Caso a ideia da municipalização, que é defendida pelo Executivo Municipal, seja colocada em prática, será possível à prefeitura ficar à frente de obras de requalificação da via, que necessita de intervenções de engenharia e concentra grande parte dos acidentes de trânsito da capital mineira. A municipalização também permitiria ações da PBH no que tange às pessoas que ocupam de modo irregular as margens do Anel Rodoviário.

São esperados na audiência pública representantes das Secretarias Municipais de Desenvolvimento; de Governo; de Obras e Infraestrutura; da Procuradoria Geral do Município; da BHTrans; do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes no Estado de Minas Gerais (DNIT-MG); do Ministério Público do Estado de Minas Gerais; da Assembleia Legislativa; da Câmara dos Deputados; da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros; e dos moradores do entorno do Anel Rodoviário.

Superintendência de Comunicação Institucional