REFORMULAÇÃO DA BHTRANS

Novos gestores vão falar sobre os rumos da empresa na comissão especial

Especialistas e movimentos sociais vão debater tarifas, integração metropolitana e reestruturação da empresa nas próximas reuniões

quarta-feira, 24 Fevereiro, 2021 - 19:00
Foto: Bernardo Dias/CMBH

No próximo dia 3 de março, o novo presidente da Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) apresentará as diretrizes, planos e propostas para estruturar e otimizar o planejamento e gestão da mobilidade urbana e a concessão dos serviços de transporte público na cidade. A audiência pública foi aprovada nesta quarta-feira (24/2) pela Comissão Especial de Estudo – Reformulação da BHTrans, criada para analisar e propor ações sobre esses temas. Os vereadores deliberaram ainda que, nas três reuniões subsequentes (10, 17 e 24 de março) serão recebidos convidados para debater e apresentar dados, exemplos e sugestões referentes aos três eixos temáticos que compõem os trabalhos do colegiado. Dois pedidos de informação sobre alterações estruturais previstas para a BHTrans e a qualificação dos serviços prestados ao cidadão serão encaminhados à Prefeitura.

Com a presença dos cinco membros titulares, a Comissão Especial de Estudo - Reformulação da BHTrans aprovou a audiência requerida por Gabriel (Patri) com objetivo de ouvir o novo presidente da empresa, Diogo Prosdocimi, sobre os rumos e as diretrizes para o aprimoramento da gestão do trânsito e do transporte público em Belo Horizonte. Os gestores das áreas responsáveis pelos três eixos temáticos da comissão também serão convidados para participar da exposição. Foi deliberado ainda que cada um desses eixos (contratos de concessão e política tarifária; integração com a Região Metropolitana; e reestruturação da BHTrans) será discutido separadamente nas reuniões dos dias 10, 17 e 24 de março com especialistas e representantes do poder público e da sociedade civil. A escolha dos participantes e a condução dos trabalhos ficará a cargo de Iza Lourença (Psol), Marcela Trópia (Novo) e Wesley (Pros).

Ao final, os três eixos serão “amarrados” em uma reunião geral. Presidente da comissão, Gabriel comunicou que os andamentos e resultados das pesquisas e debates serão acompanhados e avaliados por ele e pelo relator, Reinaldo Gomes Preto do Sacolão (MDB). A audiência da próxima quarta-feira, segundo ele, marcará o início dos trabalhos formais do colegiado, que já se reuniu com a Prefeitura e participa da elaboração da minuta de um projeto de lei. O parlamentar mencionou ainda o estudo que fez sobre o Código do Pedestre de Berlim (Alemanha), salientando que esse é um tema importante no planejamento da mobilidade urbana.

Estrutura organizacional e qualidade dos serviços

Também foram aprovados os Requerimentos de Comissão 143/21 e 144/21, assinados pelo relator, que solicitam o encaminhamento de pedidos de informações “claras e detalhadas” ao prefeito Alexandre Kalil sobre os estudos e propostas de alterações na estrutura administrativa da BHTrans, na política tarifária e nos contratos de concessão que estão sendo elaborados e os impactos das reformulações previstas nos empregados públicos. Kalil também é questionado sobre as ações e inovações que os operadores do transporte coletivo e individual pretendem implantar para aperfeiçoar a qualidade, tendo em vista a evolução tecnológica dos equipamentos e instrumentos e a evolução dos conceitos, métodos e práticas na prestação do serviço.

Assista ao vídeo da reunião na íntegra.

Superintendência de Comunicação Institucional

Comissão Especial de Estudo - Reformulação da BHtrans - 2ª Reunião